Ter

Membro
  • Total de itens

    1,041
  • Registo em

  • Última visita

  • Days Won

    34
  • Pontos

    187 [ Doar ]

Ter foi vencedor do dia em Julho 9

Ter teve o maior número de likes!

Reputação

1,313 Excelente

5 Seguidores

Sobre Ter

  • Rank
    Advanced Member

Últimos Visitantes

3,757 visualizações
  1. Ter

    Parabéns a mim Talisca@@@ #IHC

    Parabéns capitão.
  2. Opinião pessoal: 1. A equipa Académica mais depressa é considerada como GOAT do que como uma nova equipa, visto que o line-up é muito parecido, basicamente a diferença é o nome. Sim, não fizeram a transição dessa maneira, são estúpidos, concordo. 2. Temos de dar razões para as redes sociais da Académica falar deste pequeno jogo, e visto que o campeonato não ata nem desata, é somar dois com dois. Nem tudo é baseado em perfomance, muito embora, caso esse seja o vosso problema, só precisam de ir ao 1º ponto. 3. Renegades estão inscritos como 5ª equipa visto que foram os vencedores da Pressncup, muito embora a questão do Talisca seja pertinente, não pela maneira como ele a desenvolve, mas sim porque levanta uma outra questão. Se alguns IHC estiveram juntos nos ACRUTZ na época passada, isso não lhes dá uma maior legitimidade como 5ª equipa (visto que jogaram juntos na época passada só que por outro nome, ACRUTZ) para representar o HBPT na HCL, ao invés dos Renegades, que só se juntaram há sensivelmente uma dúzia de dias? Agora é pegar nestes três pontos, e pensar com lógica a decisão a tomar se fossem vocês a decidir. Grande abraço.
  3. Ter

    FUTURO MONETÁRIO DO HBPT

    Eu entendo que tu queiras ver um hobby teu em bom estado, mas a verdade é que não é uma decisão lógica meter dinheiro no HaxBall. Tu estás disposto a fazer isso, mas isso não quer dizer que todas as pessoas que se importam têm que estar dispostas também, é utópico. Não é um requisito mas tu não deves dar mergulhos sem saber a profundidade da água. Aqui é a mesma coisa, tens de testar a pessoa dentro do grupo de trabalho de modo a veres o que realmente vale.
  4. Ter

    FUTURO MONETÁRIO DO HBPT

    Porque o irv1, salvo erro, nunca assumiu um cargo aqui, e estares a dar tudo ao homem por apenas uma promessa monetária parece-me curto. Se fosse uma comunidade formada por ele, aí tudo bem, mas tens que respeitar uma espécie de hierarquia que foi feita ao longo da história deste fórum de modo a dar tempo ao tempo para descobrires quem é quem e se esse alguém merece mesmo um cargo dessa responsabilidade (o que neste fórum, é basicamente ser o braço direito do manda-chuva, pelo que é um cargo importante).
  5. Ter

    FUTURO MONETÁRIO DO HBPT

    E preferes que qualquer badameco sem ponta de valor lógico possa ter influência em quem está responsável pelos destinos do jogo em Portugal simplesmente porque criou conta no fórum? A votação só seria algo plausível se os membros que tivessem acesso a esta fossem escolhidos a dedo, caso contrário não vale nada, opiniões públicas não são sinónimo, na maioria das vezes, de decisões corretas. Em relação à parte de ninguém respeitar o STAFF, temos de tentar ver onde estão os erros. A organização de Big esteve, claramente, abaixo das expetativas, e isso, na minha opinião, faz com que se precise de alguém novo ou já dentro do STAFF a assumir a pasta. A organização de RS, embora com o típico atraso de liga portuguesa, parece-me - embora não tenha acompanhado o seu decorrer - que esteve bem, pelo que basta um pouco mais de rigor nas datas e o organizador em questão está aprovado. O "escândalo" que aconteceu no TS, provocou uma falta de atividade no fórum e inclusivé um medo nos membros da comunidade em entrar lá e um desânimo por parte do pessoal responsável pelo TS, o que é totalmente compreensível para ambas as partes, pelo que, para aproveitar o medo que se ganhou aos ips de TS do HBPT, deveria haver uma mudança definitiva para o Discord, é que para além de acabar com o medo da coisa, também reduziam-se as despesas, e começava-se algo de novo, e todos sabemos que o que é novo é bom... não é verdade? . E basicamente foi isto, sendo que, por último, há que dizer que a inatividade do SirPereira é algo que não foi uma novidade, logo não teve um papel preponderante nas coisas como se desenrolaram nesta época, pelo que culpar o homem não é de bom tom, se estão insatisfeitos com um propietário inativo, é criar uma própria comunidade. Sei que a impressão com o BH não foi a melhor e que fazer isto parece um desrespeito pela ajuda que o Sir deu ao haxball português, mas pah, há que ver o valor lógico em tudo e tentar arranjar soluções, não podemos fechar portas.
  6. Ter

    FUTURO MONETÁRIO DO HBPT

    Sim, faz, porque só pensando em relação ao longo prazo é que consegues formar um projeto sustentável que não volte à estaca zero. Em relação a votações, discordo completamente, os novos membros do STAFF devem ser escolhidos segundo o projeto que o staff atual tem e as competências que o último necessita dos novos membros de modo a cumprir esse mesmo plano.
  7. Ter

    FUTURO MONETÁRIO DO HBPT

    O problema de aceitares investimentos que não sejam do(s) manda-chuva(s) é que caso dê para o torto, parte da culpa vai ser para o manda-chuva, porque deixou isso acontecer e deu poderes a pessoas que não cumpriram com o prometido. Concordo com a parte que, de facto, com dinheiro envolvido na coisa, seria um chamariz, no entanto, e tendo em conta a primeira frase da minha resposta, esse investimento só completava 100% da visão do irv1 se e só se ele fosse o manda-chuva da coisa, sem ninguém "por cima dele", pois é inevitável um confronto de visões entre manda-chuva/criador e investidores. Em relação à última frase que escreveste, também estou em concordância com isso, mas a verdade é que no futuro vão querer mais, porque vai haver o sentimento de "isto só está ativo à minha pala" e a exigência do(s) investidor(es) em questão irá aumentar, causando o tal confronto de visões que referi acima, daí ser insustentável a longo prazo as soluções que estão por aí a apresentar.
  8. Ter

    FUTURO MONETÁRIO DO HBPT

    Se algum dia falhassem o pagamento, seriam vistos como vilões, quando na verdade deram muito mais do que deviam dar ao jogo em termos monetários, pois para além de executarem o trabalho necessário como STAFF, ainda puseram ao dispor parte do seu rendimento para o HBPT, ou seja, estão a pagar para trabalhar. E que eu saiba, não és renumerado financeiramente por fazer parte do staff do HBPT, daí continuar a ser caridade, pois lá está, não há retorno financeiro. Caridade define-se por doar coisas sem retorno, sendo staff ou não, nada muda isso, continua a ser caridade.
  9. Ter

    FUTURO MONETÁRIO DO HBPT

    O problema se encontra em estares dependente da caridade, tu, como STAFF, ao alinhares nisso, ficas como responsável pelo cumprimento das promessas, mesmo com o facto de estas não serem da tua autoria, e responsabilizar-se por coisas em relação às quais não tens o mínimo de controlo, ficas sujeito a ficar mal na fotografia e a ver a tua credibilidade ir "por água abaixo". Também pode correr muitíssimo bem e tudo às mil maravilhas, mas não consegues controlar, e quando não consegues controlar as coisas, é uma questão de tempo até à queda, é inevitável.
  10. Ter

    FUTURO MONETÁRIO DO HBPT

    Não é uma questão de preocupação ou não, é uma questão de cabimento. Qual é o incentivo para alguém que não seja tão bom no jogo, que sabe que são três euros que não vão ter retorno, investir essa mesma quantia? Porque raio vou eu gastar três euros para jogar na liga portuguesa num universo em que o jogo em questão é free to play e que a melhor liga em termos de jogabilidade (FeedMe) em relação a esse mesmo jogo é totalmente gratuita? Porque razão vou eu investir três euros para jogar HaxBall se posso juntar esses três euros e comprar qualquer coisa na "vida real" ou num jogo com mais público e onde há mais possibilidade de teres amigo a jogar esse determinado jogo, ou mesmo dar a um sem-abrigo que está sempre no teu campo de visão pelas zonas onde passas. As coisas têm de ter lógica, e gastar dinheiro num jogo onde muito provavelmente não terás retorno desse dinheiro não entra no meu valor lógico, mais vale dares ao tal sem-abrigo mesmo sem conheceres o sujeito de parte nenhuma pois sabes que provavelmente o mesmo está a passar por dificuldades e dás-lhe um momento de felicidade, mesmo sabendo que existe a possibilidade que esses três euros podem ir diretamente para o Pingo Doce para comprar aquele tipo de vinho que está contido em embalagens tetra pak, mas eh pá, dás-lhe um momento de felicidade, fazes a tua boa ação do dia. Agora gastar dinheiro numa coisa que não vai dar de comer a ninguém e não passará de um hobby para todos os jogadores, é irresponsabilidade financeira e demonstra falta de tacto em relação à vida "lá fora", é que não estamos propriamente num jogo com muita população para fazer um crowd-funding de tal dimensão para isto sequer ter a possibilidade de dar prémios que façam repensar a parte do hobby, com os ovos que temos não há hipótese, talvez noutro universo, neste não. Outra coisa que achei mal em relação ao que está a negrito, foi associares preocupação a disponibilidade financeira. Se dar dinheiro significa preocupar-se com o jogo, então um rico qualquer que nunca jogou isto e dá uma quantidade significativa de dinheiro para o jogo maior do que qualquer outro, então ele é a pessoa que mais se importa com o jogo. Isso não passa de uma tentativa patética de atrair mentes com menor resistência e organização de modo a investir na coisa. Lamento a brutidade no adjetivo que usei, mas mereceste. " Site+TS=Discord Cumprimento de horários relativamente a competições de modo a obrigar a um sentido de compromisso perante o jogo (entre algo sem compromisso e algo que não existe, a segunda é melhor, e isto não deve ser encarado como uma opinião pessoal mas sim como um facto, se não for do vosso agrado, é a vida, os factos estão-se a cagar para a vossa opinião caso a última pense diferente da primeira) Reduzir posições de poder a 2/3 pessoas apenas, sendo que em caso de inatividade de uma haja substituto imediato, isto é, comunicar a determinadas pessoas que são consideradas como substituto 1,2 e por aí fora e depois contactá-las para saber a sua disponibilidade, não são precisas mais para governar isto. Aliciar os mais ativos e com um mínimo de bom senso a pegar nessas posições de poder, a minha sugestão passa por um aliciamento numa fase mais inicial a jogadores portugueses que joguem na FeedMe, visto que para participarem numa liga estrangeira é porque se importam nem que seja um bocadinho com isto, dado que essa liga é realizada com critério (isto é, com horários marcados previamente), pelo que é o mais próximo que podemos ter de um atestado de competência no que refere ao sentido de compromisso perante não só ao jogo, mas também ao sentido competitivo, o que pode indicar uma dificuldade em deixar projetos com involvência sua a meio caminho. " Em relação ao ceticismo perante o Discord, por vezes temos de tomar decisões que as pessoas não compreendem para o bem das mesmas e torná-las inegociáveis, quer elas gostem, quer não. Se correr mal, dás o peito às balas, assumes o erro, e a vida continua. Mas se não há uma resposta lógica para além do desconforto aquando da tomada de decisão, tens de seguir em frente com a tua ideia, dê por onde der.
  11. Ter

    FUTURO MONETÁRIO DO HBPT

    Não podemos estar a exigir às pessoas consistência no que toca a investimento dentro do jogo quando este não dá retorno nenhum nem perspetiva do mesmo... há que encontrar soluções que de momento custem no máximo o mesmo que o retorno atual, senão a vida da comunidade está dependente de caridades e falta de planeamento monetário, e isso é suicida, porque chega a uma altura em que essas mesmas pessoas que fazem esses mesmos investimentos descabidos, mais tarde ou mais cedo, irão ter de olhar para além dos seus umbigos no que toca à sua gestão de vida, e aí é que "a porca torce o rabo". É como disse no outro tópico em relação aos pensos e às cirurgias, temos de, em conjunto, encontrar soluções definitivas e que acima de tudo sejam sustentáveis a longo prazo, senão entramos num ciclo vicioso em que quando acaba o investimento, acaba a novidade, e por fim a atividade dos membros, o que nos fará voltar a este ponto de partida que nos encontramos neste momento. Há que saber que estamos num ponto em que quase não existem equipas para realizar um campeonato, e não num ponto em que o interesse português em relação ao jogo está a aumentar, portanto, há que primeiro tratar dos alicerces e depois então pensar noutras coisas.
  12. Ter

    Ideias para salvar/destruir o HBPT

    É isto, quer no caso específico, quer nos prémios monetários que estão por aí a ser falados. Coisas em que podemos ser consistentes e com valor lógico são a chave para o sucesso.
  13. Ter

    CARGO DE MANAGER

    Façam o favor de não usar a democracia em alguém que acredita no totalitarismo.
  14. Ter

    Ideias para salvar/destruir o HBPT

    E porque razão não se faz logo a cirurgia ao invés de andar a "perder tempo" com pensinhos?
  15. Ter

    Ideias para salvar/destruir o HBPT

    Não faças isso, estás a meter um penso num contexto em que o que é preciso é uma cirurgia para existirem mais hipóteses de cura.